Cidade das Artes



Agora com o nome de Cidade das Artes “antiga Cidade da Música”, com previsão de inauguração para Março de 2013, atualmente com o espetáculo teste “O musical” será a nova sede da Orquestra Sinfônica Brasileira do Rio de janeiro, e o principal centro de espetáculos musicais do Estado do Rio de Janeiro. Localizada no Cebolão, na Barra da Tijuca , abrigará a maior sala de concertos de orquestra sinfônica e ópera da América do Sul, com até 1.800 lugares .

Sobre o  projeto, de autoria do arquiteto francês Christian de Portzamparc e bancado pela Prefeitura do Rio de Janeiro, foram gastos cerca de R$ 518 milhões de reais .Tanto o orçamento quanto os prazos de conclusão sofreram grandes aumentos, o que fez com que a obra seja muito criticada e apelidada de Elefante Branco.

Com 97.400 metros quadrados de área construída e cinco núcleos, a Cidade das Artes abriga duas salas de espetáculos e 21 espaços multiuso compostos por três cinemas (total de 500 lugares), galeria de arte, salas de ensaio, salas de aula, lojas, cafeteria e restaurante.O complexo será inaugurado oficialmente em março deste ano.

cidade-das-artes2-500 
 

Historia da Cidade das Artes


Após investimentos muito altos e muita polêmica, a inauguração da obra foi realizada pelo Prefeito do Município do Rio de Janeiro César Maia.

Nova sede da Orquestra Sinfônica Brasileira e o principal centro de espetáculos musicais do estado do Rio de Janeiro, a Cidade da Música  nome inicial do projeto , agora Cidade das Artes abrigará a segunda maior sala de concertos de orquestra sinfônica e ópera da América Latina após o Teatro Colón de Buenos Aires, com até 1.800 lugares. O conjunto possui aproximadamente 95 mil metros quadrados e conta, além das salas de concerto e música de câmara, 13 salas de ensaio e salas de aula. Do terraço, tem-se uma visão panorâmica da região, que abrange a praia da Barra e a Baixada de Jacarepaguá. Dois acessos estão em fase de finalização e devem unir a Cidade das Artes ao Terminal Alvorada.

Cidade das Artes com as obras paralisadas pelo novo prefeito do Rio Eduardo Paes, para realização de auditoria nas contas do projeto.
Localizada no Trevo das Palmeiras, Barra da Tijuca Zona Oeste da cidade do Rio de Janeiro, o projeto, de autoria do arquiteto francês Christian de Portzamparc e bancado pela Prefeitura do Rio de Janeiro, foi apresentado em outubro de 2002, prevendo gastos de R$ 80 milhões e inauguração no fim de 2004. Contudo, tanto o orçamento quanto os prazos de conclusão sofreram grandes aumentos.

A previsão da Prefeitura do Rio de Janeiro era de inaugurar a obra em agosto de 2008. Mas ocorreram atrasos na obra e sua inauguração foi remarcada para meados de dezembro. No entanto, mais uma vez, foi adiada, a pedido do Corpo de Bombeiros da cidade. A justificativa era que a obra não estava concluída.

Inicialmente, a Cidade da Música seria batizada com o nome do jornalista e empresário Roberto Marinho, das Organizações Globo, falecido semanas antes do início das obras. O decreto (n° 23243) que deu nome à Cidade da Música foi expedido pelo prefeito Cesar Maia em 7 de agosto de 2003, um dia após a morte de Marinho. Mas a pedido da família de Marinho, que não queria ver o nome do empresário ligado à obra, o mesmo prefeito assinou novo decreto renomeando o complexo de, simplesmente, Cidade da Música. após quatro anos de polêmicas, foi finalmente inaugurado em janeiro de 2013 .

 

Cidade das Artes Infra Estrutura

cidade-das-artes10Área construída: 87.403 m² – ´´Area do terreno 95 mil m2Grande Sala de concertos com 1.800 lugares (adaptável para ópera, neste caso para 1.300 lugares)Sala secundária com 800 lugaresSala de música de câmara com 500 lugares13 salas de ensaio13 salas de aula 3 salas de cinema 3 lojas mídiateca – 1 restaurante cafeteria 738 vagas de estacionamento
  1. Endereço: Av. das Américas, 5300 – Barra da Tijuca, Rio de Janeiro – RJ, 22793-080
    Telefone:(21) 3325-0102

                                           PROJETO INICIAL DA CIDADE DAS ARTES

 

 


 

                                     Fotos da cidade das Artes

   cidade-das-artes4

     Vista externa da Cidade das Artes

   cidade-das-artes16

         Outra fachada Externa da cidade das artes

   cidade-das-artes13

    segundo Nivel junto a sala principal da cidade das artes

   cidade das artes restaurante

                   Restaurante da cidade das artes 

   cidade das artes segundo nivel

          Cidade das artes plateia principal

   cidade-das-artes6

         Cidade das artes salão principal

   cidade-das-artes14

         Cidade das artes salão principal vista do 2 andar

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>