Buzios



buzios1

Búzios, como é  conhecido é um município do estado do Rio de Janeiro, sua divisa a oeste com Cabo Frio, município do qual se tornou autônomo em 1995. A cidade de Armação de Búzios fica a 173 km do centro do Rio. Sua beleza e histórias tornou o local com uma cidade imperdível de ser visitada pelos turistas de qualquer parte do planeta.


Sua geografia se caracteriza por ser uma península com oito quilômetros de extensão , recebendo de um lado correntes marítimas do Equador e do outro correntes marítimas do  sul, o que faz com que tenha praias tanto de águas mornas quanto de águas geladas. Suas  principais praias são : Armação, Azeda, Azedinha, Brava, Canto, Conchas, Ferradura, Ferradurinha, Foca, Forno, Geriba, João Fernandes, João Fernandinho, José Gonçalves, Manguinhos, Olho de Boi, Ossos e Tartaruga..

O turismo  e a ocupação imobiliária do local tiveram início após a fama dada a Búzios pela atriz francesa Brigitte Bardot, que a visitou em 1964.

 Búzios, com seus ventos fortes, é ideal para a prática de, Surf, Stand Up, Kitesurf, Windsurf e vela. É um municipio que abriga diversas culturas, com um grande número de estrangeiros.

buzios

Um pouco de História sobre Búzios

No século XVI, quando chegaram os primeiros exploradores europeus à região, ela era ocupada por povos indígenas  tupinambás que  viviam da  pesca, caça e o cultivo de mandioca. Mantiveram estreitas relações com corsários e contrabandistas franceses, que frequentavam a localidade para comprar pau-brasil, pimenta e outros produtos nativos.

Os franceses contrabandeavam pau-brasil com ajuda dos tupinambás porque os franceses, ao contrário dos portugueses, não demonstravam ambição colonial, mas apenas o desejo de comerciar. Em 1555, Villegaignon veio fundar a França Antártica, que durou 20 anos, até os portugueses reunirem um exército que, em 1575, derrotou os franceses e massacrou 10 000 índios, dizimando os tupinambás. Em 1617, os portugueses, aliados aos índios goitacás, expulsaram definitivamente os franceses da península e exterminaram os tupinambás. Proibiram a pesca em todo o litoral, de Campos a Maricá, para que a região não pudesse se sustentar de forma independente. João Fernandes, que hoje dá nome a uma praia, em 1679 teria sido condenado a morrer no tronco, apenas pelo crime de pescar nas águas de Búzios.

No século XVII, a vila foi invadida por franceses e ingleses. Foi base de piratas, ponto de tráfico de pau-brasil e de desembarque de escravos africanos. Na Praia de Manguinhos,  o cais de pedra feito pelos escravos. Os franceses foram expulsos pelos portugueses após sangrentas disputas que dizimaram significativamente a população indígena. No século XVII, ela era uma pequena vila de pescadores.

Pelo litoral entre Campos e Maricá começou o desembarque de negros africanos para as fazendas. Quando um navio carregado de escravos escapou de um naufrágio, em 1743, um negociante, atribuindo o milagre a santa Ana, mandou erguer uma capela na colina entre as praias da Armação e dos Ossos.

Com a proibição do tráfico de escravos em águas brasileiras, em 1850, o desembarque clandestino aumentou. José Gonçalves, o maior traficante da região, continuou a fazer fortuna nesse deplorável comércio humano, levando a marinha inglesa a desembarcar fuzileiros navais em Búzios. Após a abolição da escravatura, em 1888, os ex-escravos fundaram uma povoação na Rasa, onde já existia um poderoso quilombo.

 No final do século XIX e início do século XX, Búzios começou a receber imigrantes portugueses que se uniram ao grupo de pescadores locais, ensinando-lhes novas técnicas de pesca. Nesse século, foi também criada a armação dos peixes de Búzios que tinha uma estrutura para capturar peixes, ocasionando então o nome do balneário: Armação dos Búzios.

Nesta área também se caçavam baleias para a extração de seu óleo, que era usado tanto para a iluminação da cidade de Rio de Janeiro quanto para exportação. Os ossos dos animais capturados eram enterrados na praia ao lado da Praia da Armação, dando origem ao nome de uma das mais famosas praias de Búzios, a Praia dos Ossos. Tempos depois, a área foi destinada para lavoura e criação de gado, sendo a pesca nesse trecho do litoral proibida. Terminada a proibição, a economia local permaneceu por longo período baseada na pesca e na agricultura em pequena escala até meados do século XX, quando surgiu uma nova atividade na região: O turismo.

Buzios-bardot-300

 Em 1964, Brigitte Bardot refugiou-se em Búzios e a fama de lugar paradisíaco correu o mundo. Brigitte Anne-Marie Bardot  é uma atriz francesa. Conhecida mundialmente como simbolo sexual da época, dos anos 1950 e anos 1960. Tornou-se ativista dos direitos animais, após  se afastar da vida pública.

Rua das Pedras

buzios-rua-das-pedras-300É a rua mais famosa de Búzios  , o calçamento é constituído por pedras no estilo pé-de-moleque, cortadas verticalmente, que lhe dão nome a rua tornando-a a mais famosa da Armação de Búzios.

A rua se destaca como um point principalmente a noite ,pela grande concentração de restaurantes, bares e lojas de luxo por onde circulam muitos turistas, principalmente estrangeiros, durante todo o ano. O movimento é maior na alta temporada, r nos   feriados como o Carnaval e os prolongados. 

 

MAPA DOS MUNICÍPIO DE BÚZIOS

BÚZIOS  FOTOS

buzios-geriba1

Búzios Geribá

buzios-geriba2

Búzios Geribá

tucuns

Tucuns

Tagged with 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>